Seja Bem-Vindo

Que a Paz e o Amor de Deus reine em sua vida e família hoje e sempre em nome de Jesus!

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Um dia de descanso

“Lembra-te do dia de sábado, para santificá-lo”. Êxodo 20.8

Já sentiu como as rodas da sua vida estivessem andando cada vez mais rápido à medida que você passa correndo pelas pessoas a quem ama?
Será que você conseguiria usar um lembrete sobre como diminuir o ritmo de tudo?

Se puder, leia o que Jesus fez durante o último sábado de sua vida.
Comece no evangelho de Mateus. Não encontrou nada? 
Tente Marcos. Leia o que Marcos registrou sobre a maneira como Jesus passou o sábado. Nada também? Estranho.
Que tal Lucas? O que Lucas diz? Nenhuma referência àquele dia? Nenhuma palavra sobre ele?
Bem, tente João. É certo que João menciona o sábado. Não menciona? Nada? Hum.
Parece que Jesus estava quieto naquele dia.

“Espere um instante. É isso?” É isso.
“Você quer dizer que, com apenas mais uma semana de vida aqui, Jesus observou o sábado?” 
Até onde podemos dizer, sim.
“Você quer dizer que, mesmo com todos aqueles apóstolos para treinar e pessoas para ensinar, ele tirou um dia para descansar e adorar?” 
Ao que parece, sim.

Diminua o ritmo. Se Deus ordenou, você precisa disso.
Se Jesus deu o exemplo, você precisa disso.
Separe um dia para dizer não ao trabalho e sim à adoração.

“Senhor Jesus, nós te agradecemos por nos dar um dia e descanso. 
Que sigamos o teu exemplo e passemos um dia de cada seis 
dizendo não ao trabalho e sim à adoração”

(Extraído do livro "Bom dia"- Mundo Cristão-Max Lucado)
-- 
Nota importante: Jesus ensinou a dar de graça o que recebemos de graça. Se esta mensagem, de alguma forma, lhe fez bem, então provavelmente ela poderá fazer bem para outras pessoas que você conheça. Gostaria de sugerir, se não for constrangimento para você, que compartilhasse e encaminhasse este e-mail para o seu círculo de amigos e conhecidos. Fazendo isto você potencializa, em muito, o alcance da Palavra que já fez tanto bem aos nossos corações

domingo, 16 de novembro de 2014

A borboleta

"Meus irmãos, tende grande alegria quando passardes por várias provações; Sabendo que a prova da vossa fé produz a paciência. Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma."Tiago 1:2-4

Imagem inline 1
Um dia uma pequena abertura apareceu em um casulo. Um homem sentou-se e observou a borboleta por várias horas e pensou: como ela se esforça para fazer com que seu corpo minúsculo passe através daquele pequeno buraco!
De repente, o homem percebeu que a borboleta parou de fazer qualquer movimento. Não havia progresso na sua luta. Parecia que já tinha lutado demais e não conseguia vencer o obstáculo. Então, o homem resolveu ajudá-la. Pegou uma tesoura e cortou o restante do casulo. A borboleta saiu facilmente. Mas, ele percebeu que seu corpo estava murcho e suas asas amassadas. O homem continuou a observar a borboleta porque esperava que a qualquer momento as asas se abrissem e, firmando-se, pudessem suportar o peso do corpo. Mas nada aconteceu!
Ao contrário, a borboleta passou o resto de sua vida rastejando com o corpo murcho e as asas encolhidas. Nunca foi capaz de voar porque o homem, na sua gentileza e vontade de ajudá-la, não compreendeu que era o aperto do casulo que fazia com que a borboleta se esforçasse e assim se fortalecesse para passar por meio da pequenina abertura [...]”.
Deus quer o melhor para sua vida.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Doses de Ânimo 2_ ENTRE A VIDA E A MORTE ESCOLHA …: http://youtu.be/vZVPcXB7z44

sábado, 20 de setembro de 2014

Soltando a bicicleta

 
Imagine um pai ensinando o filho a andar de bicicleta.
O pai fica ao lado do filho. Empurra a bicicleta e a estabiliza quando o menino cambaleia.

O Espírito Santo faz o mesmo por nós; ele nos acompanha e fortalece nosso passo.

Ao contrário do pai terreno que, por vezes, solta a bicicleta e permite que o filho siga por conta própria seu caminho pela estrada, o Espírito Santo nunca nos deixa.

Ele está conosco até o fim dos tempos.
(Soluções de Deus - Max Lucado)