Seja Bem-Vindo

Que a Paz e o Amor de Deus reine em sua vida e família hoje e sempre em nome de Jesus!

domingo, 18 de agosto de 2013

“Jesus... tocou-o...” – Marcos 1:41


“Ele estava destruído e marcado, e o leiloeiro achou que não valia a pena perder muito tempo com o velho violino, então ele segurou-o com um sorriso e deu início aos lances.
-O que vou pedir por este velho violino? Como vamos começar com as ofertas? Um dólar, um dólar, quem dá dois dólares? Dois dólares, e quem dá três?
Mas nada de ofertas.
Então, no fundo da sala um homem de cabelos grisalhos veio à frente e pegou o arco. Limpando a poeira do velho violino, e apertando todas as cordas, ele tocou uma melodia pura e doce, tão doce quanto angelical. 
A música cessou e o leiloeiro, com voz tranquila e baixa, disse:
-Quanto vou pedir pelo velho violino? (E ele segurou-o com o arco). Mil dólares, e quem dá dois mil? Dois mil, e quem dá três? Três mil dou-lhe uma, dou-lhe duas, dou-lhe três, vendido! disse ele. 
O povo celebrou, mas algumas pessoas disseram: 
-Não entendemos. O que mudou o valor do violino?
Então alguém respondeu: 
-O toque da mão do Mestre!
E muitos homens com a vida desafinada, destruída e marcada pelo pecado, são leiloados por um preço muito baixo diante dos olhos de uma multidão desavisada, assim como aquele velho violino.
Um prato de lentilhas, um copo de vinho... Como em um jogo, a sorte está lançada: dá-lhe uma, dá-lhe duas, e ele é quase vendido e levado embora.
Mas o Mestre Jesus vem, e a multidão desavisada nunca consegue entender direito qual é o valor da alma e nem a mudança que pode ocorrer através de um simples toque da mão do Mestre”.

Sua alma tem muito valor para Deus.
Sejamos hoje tocados pela Mão do Mestre!

Deus abençoe a sua vida abundantemente.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Pai Perfeito

Romanos 8:15
"Pois vocês não receberam um espírito que os escravize para novamente temerem, mas receberam o Espírito que os torna filhos por adoção, por meio do qual clamamos: "Aba, Pai"."

Muitas vezes um exemplo vivo vale mais que mil palavras. Nas Olimpíadas de 1992 em Barcelona, os expectadores viram um exemplo vivo do amor de Deus pelos Seus filhos. Naquele ano, Derek Redmond da Grã-Bretanha estava por alcançar o sonho de toda a sua vida, ganhando a medalha de ouro na corrida dos 400 metros.
Quando foi dado o tiro de largada para as semifinais; Derek sabia, sem dúvida alguma, que ele corria a corrida de sua vida. 
Mas então, tragicamente, um estiramento na perna direita o jogou desajeitadamente com o rosto no chão, na parte mais difícil da corrida. 
Movido por uma enorme força de vontade, ele se esforçou para ficar de pé e se arrastou desesperadamente em direção a linha de chegada. 
De repente, um grande homem de camiseta, pulou da arquibancada, furando a segurança, e alcançou o atleta ferido. Jim Redmond passou os braços ao redor do seu filho.
-- “Filho, você não precisa fazer isso,” ele disse.
-- “Sim, papai, eu preciso.” Derek respondeu.
-- “Muito bem, então vamos terminar a corrida juntos,” disse o homem mais velho.
Foi isso que eles fizeram. Permanecendo ao seu lado por toda corrida, freqüentemente amparava o seu filho, que escorava a cabeça em seus ombros. E assim chegaram ao final, enquanto a multidão se ajuntava, chorando e dando bravo!
Derek Redmond não ganhou a medalha de ouro naquele dia, mas ele terminou a corrida com a certeza de ter um pai que o amava muito, para ficar nas arquibancadas, ao longe, vendo-o sofrer; 
um pai que furaria qualquer segurança para fazer parte de sua corrida. 
Este é o tipo de Pai celeste que temos. Um Pai que nos ama demais para ficar lá do céu assistindo-nos falhar e cair. 
Um Pai que quer fazer parte de nossa corrida, correndo ao nosso lado. Em cada passo da jornada, até que cheguemos seguros ao nosso lar.

Quando caímos, nos restaura; e quando falhamos, provamos o Teu perdão.
Quando a corrida da vida é pesada, as mãos Dele nos amparam.

Nunca deixará de Nos amar.

"Senhor, afasta de nós toda a distração. Queremos olhar somente para a face amorosa do nosso Salvador. E uma vez que os nossos olhos estejam abertos, permita que vejamos que somos abençoados com todo tipo de bênção espiritual. Obrigado por nos escolher antes da criação do mundo e obrigado por nos adotar como filhos através de Jesus. Este é o teu prazer e o teu desejo, conhecer-nos e amar-nos intimamente, como um pai ama o seu filho. Amém!"

(Do Musical “Experiência com Deus”
Tema: Aspiração na Vida Cristã)

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

De Joelhos é Melhor

Vocês já perceberam que o desejo profundo que sentimos de nos encontrar com o Senhor já é o começo do próprio encontro?
Somente Deus pode plantar esse desejo em nós, e para ouvi-lo não precisamos fazer grandes manobras. Deus está sempre falando conosco.
Já lhe ocorreu de estar lendo a bíblia e de repente ser surpreendido por uma nova maneira de entender o texto? Este é o Senhor falando contigo.
Quando isso acontecer novamente, escreva o texto, medite nele, mergulhe nele. Peça a Deus que lhe mostre os ajustes que você precisa fazer para alinhar sua vida à sua vontade. Aí então faça esses ajustes e veja como Deus trabalha.

Deus também fala conosco através da igreja. Os membros do corpo de Cristo guiam a igreja do mesmo modo que os membros do corpo humano guiam o corpo.
Por exemplo: Suponha que você está andando nos trilhos de um trem quando de repente os seus ouvidos lhe informam que o trem está se aproximando e está bem perto. Então, seus pés lhe avisam que você corre perigo. Você não sai correndo o mais rápido possível?
Bem, nós, corpo de Cristo, podemos aprender a confiar uns nos outros desta mesma maneira.

O caminho mais importante para ouvir o Senhor é estar na sua presença orando. Não há substituto para oração.
Não há como estar na presença de Deus e permanecer o mesmo.
A oração é um diálogo onde ouvir é mais importante que falar. 
Ao orarmos o Santo Espírito nos conduz à Verdade. 
E Verdade não é só um conceito. A Verdade é uma pessoa. 
Orar é conhecer Jesus Cristo que é A VERDADE...

“Querido Deus. Tu sabes que o desejo dos nossos corações é seguir-te por onde nos levares. O anseio de cada um de nós é te conhecer, ouvir tua voz e te encontrar de uma forma mais pessoal. Amém!”

(Extraído da música "De Joelhos" da Cantata "Experiência com Deus".)